• Mak

Diferenças entre Manutenção de Frota e a Industrial

Atualizado: Jun 27

A manutenção industrial tem algumas características diferentes da manutenção de frota. Se você for um técnico ou engenheiro recém formado, se for um gestor ou um profissional de manutenção que atuou sempre em apenas um desses segmentos, o que acha de cada uma delas? Quais as diferenças entre as duas?


O intuito desse texto não é trazer uma competitividade entre essas áreas e apontar maior valor em uma delas com relação a outra, mas trazer a tona um pouco de informação e reflexão.


O intuito não é apontar maior valor em uma delas com relação a outra, mas trazer a tona um pouco de informação e reflexão.

Primeiro, é importante pontuar que, a rotina de inspeção, planejamento, aprovisionamento e programação são papéis comuns em ambas, assim como os conceitos de manutenção corretiva preventiva, preditiva e seus indicadores. As diferenças entram basicamente no campo técnico.


Na manutenção industrial, geralmente, os equipamentos possuem estrutura fixa (equipamentos estacionários) apesar de terem funções de movimento, como transportadores horizontais (correias) e verticais (elevadores), equipamentos rotativos, agitadores, aquecedores, resfriadores, compressores, prensas, bombas, motores, turbinas, britadores, geradores, entre outros.


Na manutenção de frota, as máquinas pesadas são equipamentos móveis automotores, geralmente acionados por motor diesel, mas é comum encontrar equipamentos elétricos (como perfuratrizes e escavadeiras de grande porte e empilhadeiras de pequeno porte). Existem também os movidos a gás, como empilhadeiras.



Profissionais


As atividades na manutenção elétrica industrial estão voltadas a corrente alternada com faixa de tensão elétrica maior, motores elétricos trifásicos, painéis elétricos de acionamento e controle, uso de inversores de frequência, controladores lógicos programáveis (CLP) entre outros.


Nas frotas, o eletricista geralmente trabalha com corrente contínua, serviços em circuito de motor de partida, alternador, circuito de faróis, chicotes, conectores, relés, switches e sensores. Em frotas de escavadeiras e perfuratrizes de grande porte, aplicados em mineração, algumas máquinas utilizam corrente alternado com alta tensão (um caso específico)


No campo da mecânica, tanto na indústria quanto nas frotas, a lubrificação é ponto determinante na rotina, cuidados com graxa e óleo, mancais e rolamentos também não passam despercebidos nas duas, as diferenças chegam a ser as dimensões.


O sistema hidráulico nas frotas é conhecida como hidráulica móbil, o uso de bombas de pistão variável, motores hidráulicos, pistões e mangueiras são comuns, enquanto que na linha industrial é comum uso de tubulações e cilindros hidráulicos. É claro que encontrará alguns desses componentes e peças hidráulicas em ambas, mas estamos tratando de algumas diferenças de forma mais superficial.


Na indústria, os serviços de caldeiraria envolvem fabricação de peças, tubulações, conexões, entre outros. Nas máquinas pesadas os serviços de solda são bastante voltados a recuperação de trincas em estruturas. Equipamentos pesados como escavadeiras a cabo e caminhões fora de estrada, por exemplo, sofrem muito com trincas em estrutura de chassi, em caso de operações irregulares ou fim de vida do equipamento


Existem atividades na manutenção de frotas que não haverá na indústria como a de manutenção de pneus e serviços com material rodante (esteiras de tratores e escavadeiras por exemplo), além de ter uma variável diferente nas atividades, o operador.

Nas indústrias o nível de automação na operação é maior do que nas frotas, é comum ter equipamentos que são operados e controlados de forma automática, tendo a pessoa apenas monitorando. No caso de frotas, é necessário o operador na cabine fazendo todas as manobras. Tenho que informá-lo de que estamos na era de equipamentos autônomos (movimentando sem operador em cabine) e isso já é uma realidade em mineração, mas ainda é um percentual baixo.


Enfim, muitos conceitos iguais, mas alguns serviços e atividades diferentes e com suas rotinas próprias, dificuldades particulares e algumas até em comum. Qual dessas você se identifica? Uma coisa é certa, as duas precisam de profissionais capacitados. Espero que tenha se inspirado!



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo